Página Inicial  
  Conheça o Dr. Zein  
   
  Convênios  
  Entre em Contato  
  Mapa de Localização  
  Dúvidas Frequentes  
  Responsabilidade
Social e Ambiental
 
   
 
    Problemas Urológicos
e Tratamentos:
 
  Cálculos Urinários  
  Câncer da Próstata  
  Dimensões Penianas  
  Disfunção Erétil  
  Doenças Sexualmente Transmissíveis  
  Ejaculação Precoce  
  Exames Pré-Nupciais  
  Fimose  
  Incontinência Urinária  
  Problemas Hormonais
após os 50 anos
 
  Próstata  
  Vasectomia  



Prostáta



A próstata é uma glândula com o formato de uma ameixa, pesando aproximadamente 20 gramas (figura abaixo). Sua principal função é produzir o líquido seminal. Muitos problemas nessa glândula, desde uma simples infecção até o câncer, podem causar sintomas e desconforto ao paciente.


 

Os sinais mais frequentes de problemas na próstata são: urinar muitas vezes durante a noite, urinar muitas vezes durante o dia, e a sensação de não esvaziar a bexiga por completo, sintomas que também podem indicar outras doenças, como uretrites e infecções da bexiga.

Para que haja um diagnóstico correto, é preciso sempre consultar um urologista e fazer o tratamento, além dos exames adequados.

Algumas observações sobre problemas na próstata:
1. os sintomas causados por problemas na próstata não significam câncer, necessariamente;
2. uretrites e infecções urinárias podem causar sintomas semelhantes aos das doenças da próstata;
3. problemas da próstata podem, na maioria das vezes, ser tratados sem cirurgia;
4. as cirurgias para as doenças benignas da próstata não interferem na potência sexual e no controle urinário do paciente.


Problemas da próstata

-
Hiperplasia benigna da próstata: é uma condição que freqüentemente começa entre os 40 e 45 anos de idade. As mudanças hormonais causam o aumento prostático. O aumento da freqüência urinária e o desconforto começam quando a próstata cresce e obstrui a passagem de urina através da uretra.

- Câncer da próstata: os tumores cancerígenos começam na porção mais externa da próstata, distante da uretra, e por isso raramente causam sintomas precocemente. Tumores iniciais podem ser detectados durante o exame de toque retal realizado pelo urologista. O PSA (antígeno prostático específico) verificado no exame de sangue pode sugerir a presença de tumor.

- Infecções e inflamações: essas condições são conhecidas como prostatites. Causam edema (inchaço) da próstata, com sensação de ardência e queimação ao urinar, eliminação de sangue ou pus na urina. Alguns homens podem sentir fortes dores.


Como os problemas da próstata são detectados?

O paciente é entrevistado e examinado pelo médico urologista, incluindo o exame físico de toque retal. De acordo com o exame, o médico poderá solicitar a realização de alguns testes. Os sintomas de cada paciente poderão ser quantificados por meio de um questionário específico, demonstrado a seguir:


No último mês,
quantas vezes
Nenhuma
Menos que uma em cinco
Menos
que
a metade
Metade
Mais
que a metade
Quase sempre
você teve a sensação
de não esvaziar a bexiga completamente?
0
1
2
3
4
5
você foi urinar com intervalos inferiores
a duas horas?
0
1
2
3
4
5
seu jato da urina
ficou bloqueado?
0
1
2
3
4
5
ficou difícil segurar
o desejo de urinar?
0
1
2
3
4
5
teve o jato de
urina muito fraco?
0
1
2
3
4
5
fez força para
conseguir urinar?
0
1
2
3
4
5
acordou mais do que
uma vez para urinar?
0
1
2
3
4
5

Este escore é recomendado pela Associação Americana de Urologia e foi aprovado em 1991. Para interpretá-lo, índices inferiores a 9 pontos não sugerem problemas graves; a soma dos pontos entre 9 e 21 pode sugerir um problema de próstata. A soma superior a 22 pontos denota uma doença de próstata com maior gravidade.


Páginas >>> 1 l 2


 
  Desenvolvido por HR DESIGN